sexta-feira, 7 de março de 2014

Sou apenas um vampiro
que deseja ardentemente consumir seu corpo
seu sangue, seus ossos, sua alma
seus dentes, seus olhos, seu ser
- seu tudo -


e deixar-me possuir pela sua essência
(e também deixar um pouco de mim em você)

-x-

Tomo em meus braços
mas sou tomado
me cobre o veludo retinto dos seus cabelos
e, enfim, sou possuído
pelo beijo da mulher vampira





O beijo da Vampira - Pintura de Munch

Há muitos vampiros verdadeiros por aí
tomando a nossa inocência
o fruto maduro e o da juventude
há vampiros ignóbeis e vampiros safados
há vampiros de essências
e vampiros de malidicências
eles roubam corações com seus modos elegantes
há um Drácula em cada esquina
eles usam óculos escuros para não vermos  melhor o vermelho de seus olhos

4 comentários:

ᄊム尺goん disse...

...e ela quando o vampiro lhe sorri,
esconde os olhos: tem medo e vergonha de gostar...

[só uma brincadeirinha pra dizer
que gostei e me envolvi....]

bom domingo.

LUZ disse...

Benno,

Gosto desse tipo de vampiro. Mas quem não gosta? Ah, mas deixe um pedacinho, apenas, dela, tá?
Dos outros vampiros, não "curto".

Beijo.

Vera Lúcia disse...


Prefiro me proteger contra esses vampiros sugadores.
De tudo que li, fico com esta construção:

"...e deixar-me possuir pela sua essência
(e também deixar um pouco de mim em você)" - Lindo isso!

Abraço.

© Piedade Araújo Sol disse...

que Deus me proteja desses vampiros....

:)

Postar um comentário